VINHEDOS DA

BORGONHA

HOSPICES DE BEAUNE UM HOSPITAL DE CARIDADE

HOSPICES DE BEAUNE

UM HOSPITAL DE CARIDADE

Borgonha uma região rica e tradicional: vinho & gastronomia

Um dia da Borgonha

  • Os sabores da Borgonha: pão de especiarias, cassis, mostarda, queijo e pratos tradicionais...
  • Arquitetura flamenco-borgonhesa – muralhas, mosteiros românicos, mansões, vinícolas.
  • Vercingetorix e Julius Caesar, Philippe le Hardi e duques da Borgonha, Gustave Eiffel, conquistas, descobertas e turbulência na história da Borgonha.
  • A rota do vinho, variedades de uvas e denominações reconhecidas internacionalmente: Chablis, Côte de Nuit (Nuit Saint Georges), Côte de Beaune...
A Borgonha é uma das grandes regiões históricas da França e sem dúvida um dos centros da gastronomia francesa. Seus vinhedos são reconhecidos no mundo inteiro e sua cozinha tradicional sozinha já vale o desvio de qualquer viajante.

Descubra a Borgonha em 3 itinerários:

01

Chablis/Vézelay

Visite os vinhedos e prove os vinhos de Chablis com seu guia. Permita-se ser seduzido pela mineralidade e pelo sabor frutado do vinho. Visite a basílica românica de Vézelay, dentre os grandes edifícios na rota de Santiago de Compostela.

02

BEAUNE E O CHÂTEAU DU CLOS DE VOUGEOT

Viaje no tempo com um passeio ao longo das muralhas e um passeio por esta vila medieval, repleta de arte e história. Explore com seu guia a Basilique Collégiale Notre-Dame e Hospices de Beaune (Hospital de Caridade). Deixe-se ser tentado por uma degustação no coração da capital do vinho. Feche o seu dia em meio a vinhedos da Borgonha no famoso Château du Clos de Vougeot, onde serão revelados os segredos da Confrérie des Chevaliers du Tastevin ("Irmandade de cavaleiros de degustação de vinhos").

03

DIJON E BEAUNE

Visite o Museu de belas artes e saboreie os melhores pratos locais na capital dos Duques de Borgonha, Dijon. Seu guia o levará em uma descoberta de Beaune, a capital do vinho, onde um famoso leilão tem lugar todos os anos. Aproveite a oportunidade para admirar o famoso tríptico de Rogier van der Weyden alojado no Hôtel-Dieu (o Hospital de Caridade).